O PRINCÍPIO DO GÉNERO

A palavra Género, de raiz latina, significa  gerar, procriar, produzir.

Este Principio manifesta-se em todos os planos, pois tem os seus princípios, masculino e feminino.

A manifestação do desejo materno com o desejo paterno.  

Além do Plano Físico, este Princípio  manifesta-se ainda nos Planos Mental e Espiritual.

Embora no Plano físico se manifeste como sexo e nos planos Superiores tomem formas superiores, ambos são sempre regidos pelo mesmo Princípio.

No Plano Físico, o sexo é apenas uma manifestação do Género em determinado Plano:

O Plano da Vida Orgânica.

Tanto homem como mulher, ambos têm o seu elemento feminino e masculino.

Vamos aprofundar o Princípio do Género exemplificando com Yang e Yin.

-Yang e Yin são duas categorias básicas distintas. São dois movimentos opostos:  

-Yang, o  masculino é o princípio ativo, positivo, quente,  que podemos associar ao Ceu ou Sol

-Yin o feminino é o princípio passivo, negativo, frio,  associado à lua e Terra.

Não existem um sem o outro e ainda, que um nasce do outro e vice-versa. Um contém a semente do outro e em eterna mutação.

Exemplifiquemos ainda  os termos Positivo e negativo.

O masculino será o pólo positivo e o feminino o pólo negativo.

Embora haja esta manifestação o facto é que nada há de negativo ao seu redor.

Apenas um poder de expressão.

Aqui o negativo manifesta gerar, produzir.

Como tudo o que Existe é Átomo, vemos que o nascimento de um novo Átomo,  deriva das partículas femininas (eletrões) vibrarem muito rapidamente sob a influência da energia masculina (neutrões).

Com esta união há um impulso natural de criar novas formas de Energia.

Este processo dá-se, quando o Princípio Masculino dirige uma energia para o Princípio Feminino, sendo este último  o protagonista ativo  na obra criadora, que é igual para todos os Planos.

Vamos perceber a Lei do Género no Plano mental:

Existe uma mente objetiva e uma mente subjetiva, onde se manifesta a nossa Psique, (Alma ou Espírito).

Como Espírito que somos, fica convencionado, que não somos o nosso Corpo  nem a mente operativa, mas uma consciência que se utiliza do corpo e controla a mente para perceber o Ego e o EU.

Ora o Ego representa o princípio feminino, dado criar os produtos das ações, falas e reações ao meio. É ainda responsável por perceber as sensações captadas pelos cinco sentidos.

Quanto ao EU, representa o princípio Masculino, cuja função será projetar a energia no feminino para que crie e dê forma, ou seja, gere pensamentos e ideias nos planos sutis (etéricos) ou concretos.

Num Plano ainda mais extenso, consideremos uma Supernova, como o Princípio Masculino e um buraco negro um princípio Feminino.

Quando compreendermos o simbolismo que representa o Masculino e Feminino, começamos a perceber o seu funcionamento nos vários planos:

Físico, mental e espiritual.

 

 

 

Publicado em
30/9/2021
na categoria
Espiritualidade
Clique para ver mais do autor(a)
Francisco J. Cabral

Mais do autor(a)

Francisco J. Cabral

Ver tudo